Segunda-feira, 19 de Julho de 2010

«A GRANDEZA DE UM E A TACANHEZ DO OUTRO»

 

 Sugeriram-me que chamasse a atenção para este artigo de opinião de Baptista Bastos publicada no Jornal de Negócios de 25 de Junho sobre «Saramago» e «Cavaco Silva». Gostei particularmente desta ideia de democracia:

«(...)para os que admitem a democracia como uma instância de sabedoria, de compreensão, de complacência e de liberdade livre». Só podia ser do BB.  (Lembrei-me deste artigo no encontro no fim -de -semana na Casa da Cerca - «Crise, Cultura e Democracia» - quando alguns procuravam um conceito de democracia).

E foi bom recordar um Programa que eu também vi, de que na altura falei muito, sobre o qual BB escreve:

«Há uns anos largos, num programa de Margarida Marante, na SIC, foi apresentado um encontro aparentemente imponderável: D. Manuel Clemente, então reitor do Seminário dos Olivais, e José Saramago, já então muito conhecido e muito polémico. Foi um diálogo inesquecível. D. Manuel Clemente conhecia a obra do escritor, e este demonstrou uma atenção muito grande por tudo quanto o seu interlocutor dizia, sobretudo pelas interrogações sobre Deus e a religião que lhe formulava. Dois homens cultos, que se respeitavam e que expunham aos telespectadores uma forte dignidade nas suas opções essenciais e uma impecável decência nas suas interpelações e propostas. (...)».

A memória! 

publicado por MAF às 21:52
link do post | comentar | favorito

AUDIÇÃO

Se quiser saber sobre o que foi dito na última Audição à Ministra da Cultura na Comissão de Ética Sociedade e Cultura pode ir aqui. Do que já vi apenas me apetece sublinhar que muito há a fazer para que as Políticas Públicas possam ser acompanhadas e avaliadas, desde logo, pela AR ,e depois por quem estiver interessado. Ou seja, na generalidade, aquilo que foi perguntado não deveria ser de resposta pública normal? Através de sítios na web? Outro aspecto: não há dúvida que depois desta audição todos ficámos a saber mais sobre as artes, e, em particular, sobre os APOIOS  PONTUAIS  às artes. Lá que estou curiosa em ver como é que este caso particular se vai desenvolver, estou. Agora ninguém pode dizer que não sabe, sobre o passado, o presente, e até o futuro, dos Apoios Pontuais. E talvez ninguém dos interessados se possa eximir de se questionar sobre o que caracteriza os apoios pontuais, ou sobre  o conceito que lhes devia estar subjacente, como parte do sistema global dos apoios. Há perguntas e respostas para este caso que até nos fazem sorrir e que não deixam de ser ilustrativas sobre o estado do sector: em especial sobre a informação  e conhecimento operacional e estratégico de que não dispomos,e só se dando por isso em momentos excepcionais e casuísticos. E  disto temos que falar  quando falamos de transparência.    

publicado por MAF às 00:17
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 16 de Julho de 2010

NO PATAMAR «100%»

 

imagem que acompanha o comunicado

«O Ministério da Cultura e as actividades culturais: má-fé negocial, desinvestimento e desastre»

 

A crise do corte dos 10% no âmbito da Cultura e das Artes parece ter entrado num novo patamar que podemos designar  por «patamar 100%». Pelo lado negativo,  temos os Apoios Pontuais do 2.º Semestre que,  tudo leva a crer,  não se vão realizar (já agora, com que cobertura legal?), e com propriedade se poderá dizer que neste caso os cortes são de 100%. Numa perspectiva positiva, o debate parece estar ampliado ao todo cultural e artístico, de forma integrada e a prazo, em toda a sua complexidade, o que não deixa de consubstanciar também uns 100%, "bons", do nosso ponto de vista.  Depreendo isto, em particular, deste comunicado , acima assinalado, do Sector Intelectual de Lisboa do PCP, hoje divulgado.

«Cultura e Artes a 100%» é até capaz de ser um bom slogan, se fôr para melhor. «Para pior já basta assim».

publicado por MAF às 20:30
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 14 de Julho de 2010

CRISE, CULTURA E DEMOCRACIA

 

 

 

 

 

Dados os tempos que se estão a viver na Cultura e nas Artes, despoletados pelo corte dos 10%, aqui estamos perante uma iniciativa sobre a qual, no mínimo, se pode dizer: MAS QUE INICIATIVA TÃO OPORTUNA!

publicado por MAF às 23:21
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 13 de Julho de 2010

GESTÃO PÚBLICA?

Como se pode ver, confirma-se, os problemas conforme vêm, vão-se, é tudo uma questão de jeito e tempo, como muitos dizem. Será? O que interessa, e isso é de facto importante, é que neste momento já não há Corte de 10% e já há novo Director para a DGARTES. Duas das notícias sobre o assunto entre tantas que inundam a Comunicação Social:

 

JNonline

Ministra da Cultura recua nos cortes orçamentais 
 2010-07-12 21:39:00 
 A ministra da Cultura, Gabriela Canavilhas, recuou hoje, segunda-feira, na decisão de fazer 10% de cortes orçamentais no sector cultural. 
 Gabriela Canavilhas esteve hoje, segunda-feira, reunida com várias plataformas da área das artes.

 

Correio da Manhã

CANAVILHAS - NOMEAÇÃO  
 O Ministério de Gabriela Canavilhas nomeou João Aidos para director-geral das Artes e justifica a escolha com a necessidade de ter uma "nova atitude" para os desafios do sector cultural  

 Bom, não se deixe fugir o momento e continue-se a reflectir a Cultura e as Artes, a prazo, e toda esta trapalhada terá valido a pena. 

publicado por MAF às 11:31
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Julho de 2010

3.º CONGRESSO IBEROAMERICANO DE CULTURA

 

Já aconteceu, mas, ainda assim,  nestes dias em que para as artes as coisas estão fuscas, uma notícia boa que me chegou por e-mail:

 O Pisa-Papéis, através do seu responsável Nuno Ricou Salgado, participou no III Congresso Ibero-americano de Cultura Medellín - Colômbia. Este convite da organização colombiana surge na sequência da participação do Pisa-Papéis em vários Mercados e Fóruns internacionais ligados às artes performativas, à música e à Cultura em geral, nomeadamente no Mercat de Música Viva de Vic na Catalunha, importante plataforma de comunicação entre agentes culturais ibéricos e da América Latina.
O III Congresso Ibero-americano de Cultura é um importante ponto de encontro para os profissionais da indústria musical ibero-americana, sendo a Procur.arte a única entidade portuguesa presente em Medellín.
O III Congresso Ibero-americano de Cultura é  um espaço destinado a dar visibilidade, repensar e agilizar os processos no campo da música e das indústrias culturais latino-americanas. Para o efeito realizam-se concertos, palestras, painéis, workshops e um Mercado Cultural. Estiveram presentes  Ministros da Cultura. 
E foi mais uma oportunidade para distribuir a nova edição do Pisa-Papéis.

Mais sobre o Congresso neste endereço. E sobre o Pisa-Papeis neste.

 

publicado por MAF às 23:37
link do post | comentar | favorito
Domingo, 11 de Julho de 2010

ACABOU

 

QUE BOM,  A ESPANHA GANHOU,  ERA A MINHA PREFERIDA

QUE BOM A ÁFRICA DO SUL MOSTRAR QUE ÁFRICA É CAPAZ. 

publicado por MAF às 22:38
link do post | comentar | favorito

DEMISSÃO

O Director da Direcção-Geral das Artes apresentou a sua demissão e do Gabinete da Ministra da Cultura há um Comunicado sobre o acto como divulga, entre outros meios de comunicação, o Público. Veja aqui. Quem julgava que já tinha visto  tudo nisto das artes, desengane-se.  

 

publicado por MAF às 00:02
link do post | comentar | favorito
Sábado, 10 de Julho de 2010

«MAS TODA A OPOSIÇÃO CONDENOU»

É muito «engraçado» seguir a actividade da Assembleia da República, por exemplo, ver a relação entre o que se diz e depois o voto, nomeadamente se tentarmos ignorar a história de cada Grupo Parlamentar. Vem isto a propósito do Voto de Protesto  referido no post anterior apresentado pelo PCP. Da notícia no Parlamento Global:

«O Parlamento rejeitou hoje um voto de protesto do PCP contra os cortes orçamentais na cultura mas toda a oposição condenou a política do Governo neste setor». A notícia completa aqui.

Tente explicar isto a uma criança, e mesmo adolescente, é um bom exercício de cidadania. É a democracia acabaremos por concluir.

 

publicado por MAF às 11:23
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 8 de Julho de 2010

«CORTES NA CULTURA» NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

 

 

Ora, aqui está actividade na Assembleia da República que é de assinalar porque não é muito frequente a Cultura e as Artes estarem no centro das preocupações do Parlamento, e agora, em dois dias seguidos, há movimento em torno dos Cortes  na Cultura. De facto:

 

Hoje (quinta-feira), o PCP apresentou  um Voto de Protesto contra os Cortes na Cultura que será discutido e votado na sessão plenária de amanhã (sexta feira). A ser aprovado permitirá à Assembleia da República exprimir o seu protesto pelas restrições orçamentais impostas pelo Governo a este sector, manifestar  a sua preocupação em relação às consequências dessas medidas no domínio da criação cultural e artística e afirmar a sua solidariedade para com os criadores e profissionais cujas actividades se verão prejudicadas por essas opções governamentais. Pode ver o Texto do Protesto aqui.  Notícias sobre a iniciativa, por exemplo aqui e aqui .

Ontem o BE levou os Cortes na Cultura a debate  e pode ficar com uma ideia das intervenções dos diferentes partidos através do vídeo seguinte.

 

 

Na próxima semana vai haver uma audição parlamentar da Ministra da Cultura na Comissão de Ética, Sociedade e Cultura, que tem como objectivo apurar os impactos que poderão resultar dos cortes e a resposta política necessária para impedir a sua concretização. Antes o Grupo Parlamentar do PCP vai realizar  no próximo dia 12 de Julho, pelas 17 horas na Sociedade de Instrução Guilherme Cossoul (Av. D. Carlos I n. 61 1º Lisboa), uma Reunião Pública sobre estas matérias.

publicado por MAF às 22:33
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. EXPOSIÇÃO | Cartazes de ...

. DIA INTERNACIONAL DAS MUL...

. Amas, Flores e Velas

. P A R I S

. EM MEMÓRIA DE VICTOR BELÉ...

. NUM DISCURSO DE MIA COUTO...

. «ERNESTO»

. CAPITAIS EUROPEIAS DA CUL...

. NO 1.º DE MAIO | «Insulta...

. 25 ABRIL 2015

.arquivos

. Outubro 2016

. Março 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds